ASUFPEL, ADUFPEL e DCE da UFPEL promovem um ato em favor da liberdade e contra o autoritarismo

Encontro Mensal dos Aposentados/as, sócias/os do Sindicato-ASUFPel, com Café Colonial
23 de outubro de 2018
ASUFPel – Assembleia da categoria decidi por paralisar as atividades dos TAE`S neste 24 de outubro
24 de outubro de 2018
Exibir tudo

ASUFPEL, ADUFPEL e DCE da UFPEL promovem um ato em favor da liberdade e contra o autoritarismo

Na última sexta-feira (19), com boa presença de manifestantes, ocorreu no calçadão de Pelotas/RS, uma atividade de protesto, denominada: “Assembleia da Comunidade da UFPel”. O evento, que teve como objetivo alertar a população pelotense sobre as práticas ilegais e autoritárias, produzidas nesses últimos meses que antecedem as eleições presidenciais 2018, como: o fascismo, a homofobia, a violência e o retrocesso do processo democrático, foi chamado pela Frente Universitária Contra o Fascismo em Defesa da Educação Pública e Gratuita, formada por representantes dos Servidores Técnico-Administrativos em Educação, Professores e Alunos da Universidade Federal de Pelotas (UFPel).

Nesta postagem é possível ver fotos do ato, vídeos com as falas na integra da Coordenadora Geral do Sindicato-ASUFPel - Maria Tereza Fujii, da Coordenadora Geral do Sindicato-ASUFPel - Eugênia Antunes Dias e do Coordenador do GT Segurança do Sindicato-ASUFPel - Francisco Arduin (Chico) e uma parte da fala em texto, dos trabalhadores citados.

--------------------------

Coordenadora Geral do Sindicato-ASUFPel - Maria Tereza Fujii

“O ASUFPel está nesta luta desde o ano passado, contra a PEC 95 (PEC do fim do mundo), que retira recursos da saúde e da educação, depois contra a reforma trabalhista e por fim contra a reforma da previdência. O momento para a Universidade é muito triste, pois a vemos ameaçada, a gente alerta a população, principalmente neste momento de eleição, que se informe em fontes fidedignas, que procurem votar em quem não vai lhe tirar os direitos, que procurem votar em alguém que possa fazer com que os trabalhadores avancem em suas pautas”.

Coordenadora Geral do Sindicato-ASUFPel - Eugênia Antunes Dias

“A FASUBRA já no primeiro turno indicou que a única possibilidade para nós, a Universidade Pública brasileira, era votar em candidaturas no campo da esquerda, com o resultado do 2º turno, a nossa Federação se manifestou novamente, indicando o voto no 13, pois entende que está é a única possibilidade de discutir políticas públicas, educação, avançar nas pautas dos trabalhadores e reconquistar aquilo que a gente vem perdendo desde 2016”.

Coordenador do GT Segurança do Sindicato-ASUFPel - Francisco Arduin (Chico)

“É com muito orgulho que represento com esta fala o sindicato (ASUFPel). Precisamos lutar pelo Estado de direito, lutar pela nossa liberdade, pela democracia. Como que um cara pensa em um projeto, que não tem projeto! Tem uma “uma salada de frutas de nomes”, como que ele vai querer ser presidente de uma nação? O que ele tem é homofobia, não gosta de negro, não gosta de índio, não gosta de pobre e não gosta de mulher”.

https://www.facebook.com/sindicato.asufpel/videos/609244826158723/

https://www.facebook.com/sindicato.asufpel/videos/2185373838404055/

https://www.facebook.com/sindicato.asufpel/videos/287637288520304/